quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Faro, a capital económica...



Quando nos últimos tempos se têm posto cada vez mais em causa a capitalidade da cidade de Faro e do potencial do seu Concelho, por certo muitos dos profetas da desgraça fizeram uma análise condicionada por interesses próprios, sem levar a fundo muitos dos parâmetros dessa ponderação. O facto é que um estudo levado a cabo pelo Jornal "O Algarve" vêm comprovar mais uma vez que a actividade comercial da região se concentra na sua apreciável maioria no concelho de Faro, num relatório que têm em consideração apenas as empresas com sede no Algarve. Mesmo que por esse prisma, podemos constatar que Faro, é a capital económica inequívoca da região, a cidade que consegue gerar mais empregos e assim radicar no Concelho cada vez mais pessoas, com o prejuízo de qualidade de vida que se conhece, em virtude dos medianos recursos para consolidar o bem estar e dia a dia das populações.

Cabe ao actual executivo, a árdua tarefa de gerar cada vez mais receitas para o Concelho, não sei se através de grandes investimentos na área turística e hoteleira, mas sem nunca por em causa a nossa Ria. Parece óbvio que, neste momento poucas alternativas restam para poder a médio/longo prazo, sustentar a gestão do Concelho, ainda que muitos de nós estejamos contra essa política. Tal situação deverá ser muito ponderada, e a concretizar-se, em zonas que não destruam em grande escala os habitats naturais. Só assim poderá a cidade manter o seu poderio económico actual e ao mesmo tempo, poder satisfazer as populações que fazem de Faro a cidade para ganhar o pão de cada dia...

Sem comentários: