quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

Ministro quer portagens nas SCUT "dentro de curtos meses"

O ministro das Obras Públicas, António Mendonça, disse hoje esperar que a introdução de portagens nas SCUT seja uma realidade dentro de "curtos meses", mas escusou-se avançar com uma data concreta.

"Não posso neste momento avançar com datas concretas. Há condições técnicas que temos de preencher e estudar alguns pormenores, alguns detalhes", disse o ministro no final de uma visita ao Porto de Aveiro.

Questionado sobre se espera que as portagens nas SCUT sejam uma realidade nos próximos meses, o ministro respondeu assim: "Espero que não seja nos próximos meses. Espero que seja em curtos meses".

António Mendonça enveredou depois por um tom mais cauteloso: "Relativamente a esses prazos eu acho que não vou avançar com nada, porque é óbvio que isso depende de condições técnicas e de alguns factores que não dependem directamente da nossa capacidade de os concretizar, por isso acho que é prematuro dizer que é amanhã ou depois de amanhã ou daqui a um mês".

Antes, o ministro tinha considerado "positiva" a reunião que manteve com cinco presidentes de câmara do Litoral Norte que discordam da intenção do Governo de introduzir portagens na A-28, entre Viana do Castelo e o Porto.

"Esse é um assunto que está a ser estudado. Já tivemos oportunidade de dizer que não podemos olhar para o país como se estivéssemos a olhar para o umbigo. Temos que ver que os problemas não dizem respeito apenas a um concelho ou a uma zona geográfica mas que dizem respeito ao país", disse o governante.

António Mendonça defendeu que a introdução de portagens nas SCUT "significa não apenas a introdução da equidade mas também obedece a princípios de racionalidade económica".
In I Online

Parece que o meu vatícinio do dia 27 de Abril, ainda é mais negro neste momento... Porque, por agora, sem EN125 requalificada, preparem-se mesmo para deixar mais uns euros nos bolsos do Estado...

Sem comentários: