terça-feira, 14 de outubro de 2008

Farense melhor fora que em casa

Ivo Soares não tem explicação para a fraca prestação da sua equipa nos jogos caseiros mas mostra-se satisfeito com o pleno conseguido fora de portas onde, nos três jogos realizados, averbou outras tantas vitórias. Segue-se o derby Farense-Louletano num recinto que é de ambos. “Vamos tentar a primeira vitória caseira”.

Em S. Bartolomeu de Messines o Farense somou a terceira vitória consecutiva fora de casa, êxitos que não encontram seguimento nos jogos caseiros onde a equipa de Faro apenas empatou uma vez (Campinense 2-2, equipa treinada na altura por Ivo Soares), tendo perdido os outros dois jogos; Castrense e Juventude de Évora. “Confesso, até ao momento não consigo encontrar explicações para os maus resultados em casa”.

Olhando noutra direcção, o treinador do Farense elogiou o apoio da claque do clube, considerando-a “fantástica” não regateando “o apoio à equipa nos jogos em casa, apesar de não estarmos a ser felizes”. Por isso Ivo considera que a claque do clube é, para o grupo que tem à sua disposição, “muito importante, afirmando-se como o 12º jogador”.

O treinador do Farense considera que há capacidade e condições para inverter esta tendência e começar rapidamente a ganhar os jogos em casa. O próximo é com o Louletano, precisamente a outra equipa que utiliza, tal como o Farense, o relvado do Estádio Algarve como casa. “Sabemos do valor do Louletano, uma equipa profissional, respeitamos o nosso adversário mas a nossa disposição será ganhar, não só porque se tratará da primeira vitória caseira da época como também porque os três pontos são importantes para nós. Vamos tentar somar esses três pontos”.

Sem comentários: