segunda-feira, 6 de outubro de 2008

O Fim de Semana Desportivo em Análise - Época 2008/2009

Mais um fim-de-semana desportivo e desta feita com sabor amargo para o SC Farense. Se os Juniores obtiveram uma esperada derrota por 0-4 diante da super potência do futebol de formação em Portugal, o Sporting, realizarando mesmo assim uma exibição digna e quiçá se justificasse um ou dois golos para os miúdos de Faro. Só que no futebol, há uma velha máxima, como diria Camacho- “o que manda é golo”- e o Farense acabou por ser vitima da fraca concretização dos seus rapazes. Contudo o maior dissabor aconteceria na tarde de ontem, em pleno Estádio Algarve, onde os Seniores presentearam os sócios e simpatizantes com uma pobre exibição, sendo derrotados por 1-2 diante do Juv. de Évora, equipa que desceu para a Terceira Divisão nesta época, mas que nos pareceu ao alcance dum farense mais inspirado, expedito e organizado do que o que vimos.

Nos outros jogos da Terceira Divisão Nacional, destaque para o Louletano que regressou às vitórias, desta feita no Lavradio onde bateu o Fabril por 1-2, num resultado que até poderia ser mais expressivo… O Silves conseguiu finalmente, e ao cabo de 5 jornadas garantir a primeira vitória na prova por 3-1, sendo sua vitima o Quarteirense, que após um bom começo vai-se afundando na tabela. No outro jogo de algarvios, o Campinense voltou a não vencer, e empatou com o Barreirense 1-1 no Municipal de Loulé, o que agrava a situação dos homens de Loulé, que após a saída de Ivo soares apenas venceram ao então debilitadíssimo Silves, somando após esse jogo empates e derrotas comprometedoras.

Na Segunda B, jornada novamente negra para Lagoa e Beira Mar de Monte Gordo, que após um excelente inicio, protagonizam agora um perigoso declínio na tabela classificativa. Os homens de Monte Gordo já vão na terceira derrota consecutiva e ontem foram mesmo goleados na Tapadinha diante do Atlético, enquanto os comandados de Luís Coelho saíram derrotados do confronto com o Mafra por 2-0.

Por fim, nota para a Liga Vitalis, em especial para o Portimonense. Na verdade os homens de Vítor Pontes, estão a dar sequencia ao bom trabalho do discípulo de José Mourinho e com um plantel com mudanças mas onde impera a juventude, estão neste momento num honroso 2.º lugar, após uma brilhante vitória de 5-2 sobre o Desportivo das Aves. Brilhante foi também o desempenho exibicional do Olhanense na tarde ontem, mas a infelicidade manchou a tarde rubro negra. Por algum tempo o nome Sidnei ensombrará as cabeças dos nossos vizinhos, pois o golo da igualdade a uma bola obtido nos descontos deitou por terra alguma da euforia ainda vivida lá para os lados de Olhão, na sequencia deste empate 1-1 com o Boavista.

Sem comentários: