sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Dificuldades acrescidas no Algarve


As notícias do Algarve não são as melhores. O Governo está a complicar a vida dos algarvios de modo drástico.

O desemprego na região é o mais elevado do país.

O prometido Hospital Central que daria emprego a muita gente, durante a obra e depois em exploração não arrancou na data anunc...iada.

A requalificação da estrada 125 prometida há muito, apenas está a conta gotas e além da variante de Faro, nada mais acontece.

O Orçamento de Estado para o Distrito de Faro tem descido de ano para ano.Os fundos europeus para o Algarve sofreram uma drástica redução.

O Governo tem reduzido as transferências para os Municípios do Algarve, mais do que para o resto do país.Por isso as empresas da nossa região e os municípios estão cercados de dificuldades e sem meios para se lançarem em investimentos de criação de empregos.

A agravar tudo isto uma empresa tutelada em exclusivo pelo Governo despede de repente mais de 300 trabalhadores no aeroporto de Faro.Lamentamos todas estas atitudes simultâneas, as quais no seu conjunto bloqueiam o futuro do Algarve.Temos que exigir que o investimento público prometido para a região avance para que haja emprego e oportunidades para os algarvios.

retirado do Facebook
José Macário Correia
Presidente da Câmara Municipal de Faro



Há que dizer isto com frontalidade! O Algarve, uma das regiões que mais dá ao País, está a ser sistematicamente prejudicado pelo poder central...

3 comentários:

Anónimo disse...

P*ta que pariu esses ca*rões da capital! Só se lembram do Algarve quando é para virem pôr os c*lhões de molho no mar...

ZE ALGARVIO disse...

Concordo!
A solução é dinamitar o viaduto da A22 que dá acesso ao Algarve.
Acabam-se as férias faustosas e mordomias.
Esses chulos que fiquem por Portugal.
Descansem que nós Algarvios não morreremos à fome, temos muito mar, e muita serra para cultivar, e só queremos cá turistas camones que gastem dinheiro.
O Algarve aos Algarvios.

Anónimo disse...

O Zé Algarvio é o maior.
Tenho uma carrinha para transportar os explosivos.
Vamos a isso!