segunda-feira, 8 de novembro de 2010

(Estádio) Algarve perde super especial do Rally de Portugal...


Super-Especial em Lisboa com animação

O Rali de Portugal vai ter a sua primeira prova especial de classificação na Praça do Império, no dia 24 de Março, 5ª Feira, num dia dedicado ao público, aos patrocinadores e à promoção de Lisboa e de Portugal.

Nesta super-especial, os concorrentes alinharão em séries de, no mínimo, três equipas, num sistema de perseguição linear - e não em percursos opostos, como sucedeu no passado - mas com partidas individuais de 15 em 15 segundos.

A super especial utilizará os arruamentos fronteiros ao Mosteiro dos Jerónimos, Centro Cultural de Belém e Museu da Marinha e será disputada em três voltas, com rotundas, chicanes e saltos a proporcionar certamente um grande espectáculo para todos os presentes e para os que estiverem em casa a seguir a transmissão da RTP.

A semana começará com os reconhecimentos, 2ª e 3ª Feira, para na 4ª feira se realizar o Shakedown no Algarve já na parte da tarde. No dia seguinte vai haver um conjunto de eventos (reconhecimentos, autógrafos, desfile dos pilotos e demonstrações com carros clássicos de ralis no percurso da super-especial) que culminará com a Super-especial entre as 15h30m e as 18h00m.

Dessa forma as duas super-especiais do Estádio Algarve não se irão realizar, mas o Estádio Algarve irá manter-se como centro nevrálgico. A prova conta com 3 etapas (7 secções) e um percurso total de 1360 km, integrando 17 provas de classificação que perfazem 385 km, o que representa quase 30% do itinerário do rali.

De referir que, uma vez concluída esta nova super especial, toda a caravana rumará ao Estádio Algarve, local onde a prova retomará o seu figurino tradicional.

O ACP promete ainda mais surpresas para o último dia de prova, estando também quase certa a realização do Porto RoadShow, em moldes idênticos ao que aconteceu em 2009.


In Ralis Online

Não bastava já o afastamento da final da Taça da Liga do Estádio Algarve, para agora esse espaço perder também o encanto desportivo e promoção mediática que uma Super Especial... Evidentemente que a competição a sério será disputada no Algarve e Alentejo mas noto que cada vez mais os patrocinadores e o público em geral exerecem uma pressão enorme para retirar a prova do sul do país, o que por certo não demorará mais de meia de dúzia de anos a fazer efeito e desta forma contituir mais uma machadada nos pontos de interesse desportivos e turisticos que o Algarve oferece...

Sem comentários: