terça-feira, 11 de maio de 2010

Novos ventos em África...


Não me vou alongar muito em relação à convocatória de Carlos Queirós para disputar o Mundial 2010 na África do Sul... Porque há opiniões e mais opiniões acerca destas decisões por pessoas bem mais instruídas do que eu na matéria... Salta à vista é que depois de Carlos Queiróz ter avançado 50 nomes, os reduziu ontem para 24 devido à situação de Pepe, mas mais incrível que isso, hoje mudou de opinião repentinamente e colocou o "esquecido" Manuel Fernandes à frente de 26 jogadores previamente convocados...

Por muito que pense e repense não me lembro de alguma vez um campeão nacional ceder mais jogadores à selecção brasileira do que à portuguesa, sinal de que ou o futebol português está muito forte em termos financeiros para que o campeão nacional possa gastar em "produto nacional" ou a selecção brasileira está algo debilitada... Poderá não ser nem uma coisa nem outra, mas olhando para as escolhas de Dunga, me parece que este Brasil não é o Brasil dominador e mágico de outras épocas, faltando-lhe um homem golo indiscutível, bem como extremos de qualidade ao nível de Messi ou Ronaldo... Sem falar em Ronadinho, estranho como jogadores do nível de Alexandre Pato, Marcelo ou mesmo David Luiz podem estar afastados duma prova desta natureza...

Das convocatórias e pré-convocatórias que se vão conhecendo meteoricamente nos últimas horas, parece que à imagem de Carlos Queiróz, outros seleccionadores de equipas tradiiconalmente habituadas a posições de topo numa prova como o Mundial, os jogadores experientes e em última instância veteranos caíram em desgraça, numa razia não antes vista destas dimensões nas ultimas edições destas provas de selecções. Nomes como os de Ronaldinho Gaúcho, Nuno Gomes, Totti, del Piero, Micolli, Cassano, Luca Toni, Patrick Vieira, Rud Van Nistelrooy, Javier Zanetti, Cambiasso, Lucho Gonzalez fariam muito jeito em posições deficitárias de selecção portuguesa, muito deles jogando ao mais alto nível na presente época...

Nomes de jogadores em ascensão como os de Nasri, Benzema, Balotelli, Neymar, Pato ou mesmo do já algo maduro Lisandro Lopez também eles foram preteridos, muitos deles com capacidades indiscutiveis e com um potencial ainda por descobrir bem relevante...

Com tanto nome grande de fora, fico com a ideia que iremos assistir a um Mundial um pouco desvirtuado e em que alguns jogadores desconhecidos se poderão valorizar imenso, proporcionando negócios da china aos habituais empresários de futebol... Será que eles não tiveram também algum dedo nas escolhas?

Sem comentários: