quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Câmara de Faro quer relançar obra do Pavilhão Gimnodesportivo


O lançamento de «um concurso público urgente» para adjudicação das obras de conclusão do Pavilhão Gimnodesportivo de Faro apenas está dependente da emissão de um visto prévio do Tribunal de Contas, anunciou esta quarta-feira a Câmara de Faro.

Numa nota enviada às redações, a autarquia farense manifestou a sua intenção de levar a obra a bom porto e disse ainda ter «solicitado junto da PSP um reforço da segurança no local, de molde a que este equipamento público não seja objecto de actos de vandalismo e destruição gratuita como aqueles que se têm infelizmente verificado».

«Procedeu-se ao tapamento de vãos, soldaduras das portas e outras intervenções para assegurar que ninguém tem acesso ao Pavilhão. É um bem público que deve ser salvaguardado», disse a autarquia.

A obra de construção do Pavilhão Gimnodesportivo de Faro começou há cerca de seis anos e foi afetada por uma sucessão de problemas, técnicos e financeiros.

Em 2007, a sua inauguração «chegou a ser anunciada», lembra a Câmara de Faro, mas «entre 2005 e 2009, o contrato de empreitada não foi cumprido, tendo o empreiteiro suspendido o andamento da obra por falta de pagamento».

«Os pagamentos foram retomados no princípio de 2010, o que daria lugar ao retomar dos trabalhos, facto que não se veio a verificar por força da insolvência do empreiteiro», adiantou.

«Este tem sido um processo complexo, marcado por diversas vicissitudes desde a sua génese, pelo que a autarquia não tem regateado esforços para garantir que este equipamento vital para o desenvolvimento desportivo esteja ao serviço dos cidadãos no prazo mais breve que nos seja possível», assegurou a Câmara farense.

In Barlavento Online


Os outros concelhos do Algarve quase todos com pavilhões modernos e nós, a capital do Algarve, esperamos à mais de 6 anos pelo primeiro pavilhão gimnodesportivo com condições para a alta competição...

Sem comentários: