segunda-feira, 21 de março de 2011

Ajuda indesejada...


Voluntários recolhem seis toneladas de lixo da Ria Formosa (com fotos)


Limpeza na Ria Formosa


Seis toneladas de lixo, incluindo entulhos e outros resíduos, foram recolhidas ao longo das quatro horas da campanha de limpeza «Limpar a Ria Formosa», pelos 350 voluntários que participaram no sábado nesta iniciativa em Faro.

A campanha foi promovida pela Câmara Municipal de Faro, com a coordenação operacional da empresa municipal de resíduos Fagar, da Algar e da Autoridade Marítima do Sul, às quais se juntaram várias entidades públicas, privadas, associações, clubes e cerca de 350 cidadãos, na sua maioria, munícipes do concelho de Faro.

A concentração foi feita às 9h00 junto ao Centro Náutico da Praia de Faro e no Ginásio Clube Naval de Faro, junto da capitania. A partir daí, os grupos de voluntários foram distribuídos por várias zonas (Praia de Faro, Barra de S. Luís, Golada, Ramalhete, Ilhote dos Tesos e Cais Novo), decorrendo a ação até às 13h30.

Mais aqui:



Por incrível que pareça, e após uma divulgação maciça deste evento na comunicação social algarvia, à qual este espaço se associou, fiquei hoje a saber que um grupo de escuteiros se deslocou ao Centro Náutico da Ilha de Faro e não foi autorizado a ajudar na Acção de Limpeza, porque supostamente teria que fazer uma inscrição atempada para poder ajudar a limpar a Ria Formosa.

Tratando-se de um grupo de escuteiros com míudos entre os 5 e os 10 anos, devidamente acompanhados por uma responsável adulta, no qual a presença seria também uma forma de sensibilizar as crianças para o combate à poluição do meio ambiente, é de lamentar que perante tal facto, os responsáveis da CMF tenham agido de tal forma, dando um triste exemplo para uma geração que agora dá os primeiros passos na sua formação cívica e responsável na sociedade.

3 comentários:

Anónimo disse...

Seis Toneladas de Lixo!!!!????Isso so demonstra o quanto os Portugueses sao PORCOS.Bravo pela atitude desses que defendem a Natureza.

Ferreira disse...

eu estive lá, não estava inscrito e limpei...
vi varios grupos de escoeiros a fazer o mesmo, e nignguém veio de lá com as mãos nas algibeiras....

...é melhor verificar as fontes, quando não se está presente.

SamM disse...

Amigo Ferreira,

Se leu bem o artigo, o comentário não se refere uma pessoa a titulo individiual, mas sim a grupo organizado de pessoas, com idades entre os 5 e os 10 anos, acompanhados de uma responsável. O facto é que, foi recusada a participação no acto de sesibilização e ajuda (por muito prquena que fosse por parte das crianças), situação que me foi relatada pela interveniente "adulta".

Se estavam lá outros escuteiros, presumo que fariam parte do nucleo organizador da iniciativa.