domingo, 27 de março de 2011

Faro vai ter novo parque de lazer em terreno anteriormente prometido para bomba de gasolina do Farense

Marcado a vermelho na foto o terreno onde vai ser implantado o parque de lazer
O presidente da Câmara de Faro anunciou hoje a construção do "Parque de Lazer das Figuras", estrutura que ocupará parte do terreno que a autarquia pretendia ceder ao Farense para a implementação e exploração de um posto de abastecimento de combustíveis. "Até que seja resolvido o diferendo entre a Assembleia Municipal de Faro, Farense e a GALP sobre a cedência do terreno que decorre nos tribunais, decidimos avançar com a construção do parque de lazer", disse Macário Correia durante a apresentação do projeto.


Em 2005, o tribunal não reconheceu o "interesse público" na cedência do terreno pela autarquia ao Sporting Clube Farense, que pretendia ali instalar e explorar um posto de abastecimento de combustíveis. "O processo está em fase de recurso no Tribunal da Relação de Évora, e como a ação não está, seguramente, para se resolver nos próximos tempos, entendemos que agora deve ter esta utilização", disse Macário Correia. "Trata-se de dar utilidade a um espaço que não estava a ser aproveitado e que se encontrava numa situação de abandono que quase parecia uma lixeira", disse Macário Correia, durante a apresentação do projeto.


O futuro Parque de Lazer das Figuras, representa um investimento de 150 mil euros, resultante de uma parceria entre a autarquia e privados, e ficará implementado na Horta das Figuras, numa faixa de terreno de cerca de 400 metros quadrados, à entrada da cidade de Faro. "Serão instalados equipamentos de lazer para proporcionar à população mais exercício físico e atividade recreativa", observou o autarca.


A Câmara Municipal de Faro promoveu hoje uma visita a obras e a equipamentos no concelho, na qual participaram membros da Assembleia Municipal, diretores de departamento e chefes de divisão da autarquia. As visitas aos equipamentos municipais decorre de dois em dois meses para que, segundo a autarquia, "os responsáveis políticos travem conhecimento mais aprofundado da realidade do concelho para ficarem munidos de mais e melhores instrumentos de decisão".





Pelas palavras de Macário Correia, o processo em tribunal está para durar e na minha opinião não ficou explicito se, dado o avultado investimento, no futuro, este terreno será cedido ao SC Farense para instalação de um bomba de gasolina...

Sem comentários: