sábado, 14 de agosto de 2010

Artilharia pesada aniquila esperanças alentejanas...





As Notas do Farense 4-1 Aljustrelense




Notas Positivas:



  • Num jogo com duas partes distintas, a nota mais positiva do jogo acabou por ser a entrada do Farense na segunda parte, com uma equipa muito próxima do onze ideal preconizado por Joaquim Mendes. A perder 0-1 ao intervalo com o Aljustrelense, o Farense apareceu muito determinado e agressivo na segunda parte, não sendo alheia a maior qualidade dos executantes. Destaques para as exibições de Adérito, em grande plano a oferecer o golo do empate a Kéu, jogador que repetiria a façanha por mais duas vezes e Celestino. Adérito faria ainda o 3-1 na conversão duma grande penalidade.
  • Ainda na sequência desta ultima nota, destacamos a eficácia ofensiva do Farense, que virou o resultado após o intervalo em apenas 8/9 minutos
  • Não podemos deixar passar em claro a exibição da equipa alentejana na primeira parte, quando apresentou em campo, supostamente o seu onze base, e dessa forma manietou o Farense na primeira parte chegando com toda justiça ao intervalo com a vantagem de 0-1. Destacamos a capacidade técnica, boa circulação de bola e o gosto em assumir o jogo, factos que não serão alheios ao facto do Aljustrelense ser um sério candidato à promoção na próxima edição da Terceira Divisão Série F.

Notas Negativas:

  • Embora o Aljustrelense tenha tido mérito na forma como se apresentou no Estádio Algarve durante o primeiro tempo, ficou patente que as "segundas linhas" do Farense nalgumas posições especificas poderão revelar alguns problemas a Joaquim Mendes. Nota-se que além das opções de Kéu e Adérito o ataque farense é pouco competitivo, como foi revelado na manhã de hoje onde o Farense raríssimas vezes se assomou da baliza contrária. Também nas alas esperávamos mais de Luís Zambujo, um jogador com credenciais mas que ainda não parece em boa forma física, mantendo-se ainda o "problema" no meio campo atacante algarvio, parecendo ser necessário um jogador com capacidade física, mental e técnica para distribuir jogo para os atacantes.

Farense: Serrão; Caniggia, Mamadou, Tiago Sousa, Juan; Arlindo; China, Pina, Luis Afonso, Zambujo; Paulinho. Jogaram ainda: Carlinhos, Bilro, Barão, Justo, Celestino, Kéu, Adérito, André Calado, Calado, Joshua.

Sem comentários: